Detalhes
Mapa

Viagem do "St. Louis" de 13 de maio a 17 de junho de 1939

As dificuldades enfrentadas pelos refugiados judeus alemães, perseguidos em sua própria pátria e indesejados no exterior, são bem demonstradas através da viagem do transatlântico alemão SS "St. Louis". Em 13 de maio de 1939, o SS "St. Louis" partiu da Alemanha com quase 1000 refugiados judeus a bordo. Seu destino era Cuba, cujo governo havia se comprometido a recebê-los mas, mesmo antes que chegassem ao porto, o governo cubano revogou a permissão para o navio atracar. O "St. Louis" foi então forçado a retornar para a Europa em junho de 1939. A Grã-Bretanha, a França, a Bélgica e a Holanda concordaram em aceitar os refugiados abandonados à sua própria sorte. Entretanto, em 1940, depois que as forças alemãs ocuparam o oeste europeu, muitos dos passageiros do "St. Louis", bem como outros refugiados judeus que haviam ido para aqueles países em busca de refúgio, foram capturados pelas engrenagens da Solução Final, o plano nazista para dizimar todos os judeus da Europa.


  • US Holocaust Memorial Museum

Dividir

Voyage of the "St. Louis," May 13-June 17, 1939 [LCID: wor78050]