<p>German forces enter Aachen, on the border with Belgium, following the remilitarization of the Rhineland. Aachen, Germany, March 18, 1936.</p>

Segunda Guerra Mundial: Cronologia

Mais informações sobre esta imagem

18 de setembro de 1931
O Japão invade a Manchúria.

2 de outubro de 1935 a maio de 1936
A Itália fascista invade, conquista e anexa a Etiópia.

25 de outubro a 1º de novembro de 1936
A Alemanha nazista e a Itália fascista assinam um tratado de cooperação em 25 de outubro; e em 1º de novembro, o Eixo Roma-Berlim é anunciado.

25 de novembro de 1936
A Alemanha nazista e o Japão imperial assinam o Pacto Anti-Comintern, isto é, Anti-Internacional Comunista, direcionado contra a União Soviética e o movimento comunista internacional.

7 de julho de 1937
O Japão invade a China, dando início à Segunda Guerra Mundial no Pacífico.

11 a 13 de março de 1938
A Alemanha incorpora a Áustria na assim chamada Anchluss, ou seja, anexação.

29 de setembro de 1938
A Alemanha, a Itália, a Grã-Bretanha e a França assinam o Acordo de Munique, o qual força a República Tchecoslovaca a ceder à Alemanha nazista a região dos Sudetos, incluindo as importantes posições estratégicas de defesa militar daquele país.

14 a 15 de março de 1939
Sob pressão alemã, os eslovacos declaram sua independência e formam a República da Eslováquia. Os alemães ocupam as províncias remanescentes da Tchecoslováquia, em violação ao acordo de Munique, formando o Protetorado da Boêmia e Morávia.

31 de março de 1939
A França e a Grã-Bretanha asseguram a integridade das fronteiras do estado polonês.

7 a 15 de abril de 1939
A Itália fascista invade e anexa a Albânia.

23 de agosto de 1939
A Alemanha nazista e a União Soviética assinam um pacto mútuo de não-agressão—o Pacto Ribbentrop-Molotov—e fazem um aditamento secreto dividindo o leste europeu entre si, em duas esferas de influência.

1º de setembro de 1939
A Alemanha invade a Polônia A Alemanha invade a Polônia, dando início à Segunda Guerra Mundial na Europa.

3 de setembro de 1939
Honrando sua garantia de segurança às fronteiras da Polônia, a Grã-Bretanha e a França declaram guerra à Alemanha.

17 de setembro de 1939
A União Soviética invade o leste da Polônia.

27 a 29 de setembro de 1939
Varsóvia, capital da Polônia, se rende no dia 27 de setembro. Membros dogoverno polonês fogem para o exílio através da Romênia. A Alemanha e a União Soviética dividem a Polônia entre si.

30 de novembro de 1939 a 12 de março de 1940
A União Soviética invade a Finlândia, iniciando a chamada Guerra de Inverno. Os finlandeses requerem um armistício e são obrigados a ceder para a União Soviética a margem norte do lago Lagoda e a pequena linha costeira finlandesa no mar Ártico.

9 de abril de 1940 a 9 de junho de 1940
A Alemanha invade a Dinamarca e a Noruega. A Dinamarca se rende no dia do ataque; a Noruega resiste até 9 de junho.

10 de maio de 1940 a 22 de junho de 1940
A Invasão da Europa Ocidental pela Alemanha- Maio de 1940 - Fotografia A Alemanha ataca a Europa Ocidental—França e os Países Baixos neutros. Luxemburgo é ocupado no dia 10 de maio; a Holanda se rende em 14 de maio, e a Bélgica em 28 do mesmo mês. Em 22 de junho, a França assina um acordo de armistício pelo qual os alemães ocupam a parte norte do país e toda a linha costeira do Atlântico; e no sul da França é estabelecido um regime colaborador dos nazistas com capital em Vichy.

10 de junho de 1940
A Itália entra na guerra, e invade o sul da França em 21 de junho.

28 de junho de 1940
A União Soviética força a Romênia a ceder a província oriental da Bessarábia e metade da região norte da Bucovina para a Ucrânia Soviética.

14 de junho de 1940 a 6 de agosto de 1940
A União Soviética ocupa os países bálticos entre 14 e 18 de junho, articulando golpes de estado comunistas em cada um deles entre 14 e 15 de julho, para em seguida anexá-los como Repúblicas Soviéticas, entre 3 e 6 de agosto

10 de julho de 1940 a 31 de outubro de 1940
A guerra aérea conhecida como a Batalha da Grã-Bretanha termina em derrota para a Alemanha nazista.

30 de agosto de 1940
Segunda Decisão de Viena: A Alemanha e a Itália arbitram a divisão da disputada província da Transilvânia entre a Romênia e a Hungria. A perda do norte da Transilvânia força o rei Carlos da Romênia a abdicar em favor de seu filho, Miguel, e traz ao poder uma ditadura sob comando do general Ion Antonescu.

13 de setembro de 1940
Os italianos invadem o Egito, parte do então Mandato Britânico, através da Líbia sob domínio italiano.

27 de setembro de 1940
A Alemanha, a Itália e o Japão assinam o Pacto Tripartite.

Outubro de 1940
A Itália invade a Grécia cruzando a Albânia em 28 de outubro.

Novembro de 1940
A Eslováquia (23 de novembro), a Hungria (20 de novembro) e a Romênia (22 de novembro) unem-se ao Eixo.

Fevereiro de 1941
Os alemães enviam o Afrika Korps, destacamento do exército alemão, para reforçar as tropas italianas enfraquecidas.

1º de março de 1941
A Bulgária une-se ao Eixo.

6 de abril de 1941 a junho de 1941
A Alemanha, a Itália, a Hungria e a Bulgária invadem e dividem a Iugoslávia. A Iugoslávia se rende em 17 de abril. A Alemanha e a Bulgária invadem a Grécia em apoio aos italianos. A resistência na Grécia chega ao fim no início de junho de 1941.

10 de abril de 1941
Os líderes do movimento terrorista Ustasa proclamam o chamado Estado Independente da Croácia. Reconhecido de imediato pela Alemanha e Itália, o novo estado inclui a província da Bósnia-Herzegovina. A Croácia junta-se às forças do Eixo formalmente em 15 de junho de 1941.

22 de junho de 1941 a novembro de 1941
Invasão Alemã na União Soviética - 1941-1942A Alemanha nazista e seus parceiros do Eixo (com a exceção da Bulgária) invadem a União Soviética. A Finlândia, procurando reparação de suas perdas territoriais para a União Soviética no armistício que finalizou a Guerra de Inverno, une-se ao Eixo pouco antes da invasão. Os alemães rapidamente invadem os países bálticos e, com ajuda dos finlandeses realizam um cerco a Leningrado (atual São Petersburgo) no mês de setembro. Mais ao centro da União Soviética os alemães conquistam Smolensk no início de agosto e, em outubro, parte rumo a Moscou. Ao sul, as tropas alemãs e romenas conquistam Kiev (Kyiv) em setembro e Rostov, às margens do rio Don, em novembro.

6 de dezembro de 1941
Uma contra-ofensiva soviética leva os alemães estacionados nos subúrbios de Moscou a uma retirada caótica.

7 de dezembro de 1941
O Japão bombardeia a base naval norte-americana de Pearl Harbor.

8 de dezembro de 1941
Os Estados Unidos declaram guerra ao Japão, entrando assim na Segunda Guerra Mundial. As tropas japonesas desembarcam nas Filipinas, na Indochina Francesa (Vietnã, Laos e Camboja), e na colônia britânica de Cingapura. Em abril de 1942, as Filipinas, Indochina e Cingapura caem sob domínio japonês.

11 a 13 de dezembro de 1941
A Alemanha nazista e seus parceiros do Eixo declaram guerra aos Estados Unidos.

30 de maio de 1942 a maio de 1945
Os britânicos bombardeiam a cidade de Köln, ou Colônia, trazendo a guerra para dentro do território alemão pela primeira vez. Durante os três anos seguintes bombardeios anglo-americanos reduzem cidades alemãs a escombros.

Junho de 1942
As frotas navais norte-americanas e britânicas conseguem impedir o avanço naval japonês na área central do Oceano Pacífico, no atol de Midway.

28 de junho de 1942 a setembro de 1942
A Alemanha e seus parceiros do Eixo iniciam uma nova ofensiva na União Soviética. As tropas alemãs abrem seu caminho até Stalingrado, (Volgogrado) no rio Volga, até meados de setembro, penetrando profundamente na região do Cáucaso, após a conquista da Península da Criméia.

Agosto a novembro de 1942
Em Guadalcanal, nas Ilhas Salomão, as tropas norte-americanas conseguem impedir o avanço japonês, que ia abrindo caminho, conquistando ilha a ilha, em direção à Austrália.

23 a 24 de outubro de 1942
As tropas britânicas derrotam alemães e italianos em El Alamein, no Egito, fazendo com que as forças militares do Eixo se retirassem de forma caótica através da Líbia até a fronteira leste da Tunísia.

8 de novembro de 1942
As tropas norte-americanas e britânicas desembarcam em diversos pontos nas praias da Argélia e do Marrocos, no norte da África sob controle francês. O fracasso das tropas colaboracionistas da França de Vichy em se defender contra a invasão, permite que os Aliados se movam rapidamente até a fronteira oeste da Tunísia, o que provoca a ocupação do sul da França pelos alemães, em 11 de novembro.

23 de novembro de 1942 a 2 de fevereiro de 1943
As tropas soviéticas contra-atacam destruindo as linhas de defesa húngaras e romenas nas regiões a noroeste e a sudoeste de Stalingrado, e imobilizando a Sexta Tropa Alemã estacionada naquela cidade. Proibidos por Hitler de se retirarem ou tentarem escapar do cerco soviético, os sobreviventes da Sexta Tropa se rendem no dia 30 de janeiro e em 2 de fevereiro de 1943.

13 de maio de 1943
As forças do Eixo na Tunísia se rendem aos Aliados, acabando com a campanha no norte da África.

10 de julho de 1943
Tropas norte-americanas e britânicas desembarcam na Sicília, Itália. Em meados de agosto os Aliados passam a controlar aquela ilha.

5 de julho de 1943
Os alemães iniciam uma forte ofensiva com tanques perto de Kursk, na União Soviética. Os soviéticos enfraquecem aquele ataque em uma semana e começam uma ofensiva contra os alemães.

25 de julho de 1943
O Grande Conselho Fascista depõe Benito Mussolini, permitindo que o marechal italiano Pietro Badoglio institua um novo governo.

8 de setembro de 1943
O governo de Badoglio rende-se incondicionalmente aos Aliados. Os alemães imediatamente tomam controle de Roma e do norte da Itália, estabelecendo um regime fascista fantoche sob o controle de Mussolini, que foi libertado da prisão por soldados alemães de elite em 12 de setembro.

9 de setembro de 1943
As tropas Aliadas desembarcam nas praias de Salerno, próximas à Nápoles.

6 de novembro de 1943
As tropas soviéticas libertam Kiev.

22 de janeiro de 1944
As tropas Aliadas desembarcam com sucesso perto de Âncio, logo ao sul de Roma.

19 de março de 1944
Temendo a intenção da Hungria de abandonar sua parceria no Eixo, os alemães ocupam aquele país e forçam seu dirigente, almirante Miklos Horthy, a nomear um ministro presidente pró-alemão.

4 de junho de 1944
As tropas Aliadas libertam Roma. Seis semanas depois, bombardeios anglo-americanos conseguem, pela primeira vez, atingir alvos na Alemanha oriental nb.

6 de junho de 1944
As tropas britânicas e norte-americanas desembarcam com sucesso nas praias da Normandia, na França, e abrem a “Segunda Frente” contra os alemães.

22 de junho de 1944
Os soviéticos iniciam uma forte ofensiva na Bielorrússia oriental (Belarus), destruindo o Grupo Central do exército alemão, e dirigindo-se para oeste até chegar ao rio Vístula através de Varsóvia, no centro da Polônia, em 1º de agosto.

25 de julho de 1944
As forças anglo-americanas saem da Normandia seguindo rumo ao leste, em direção a Paris.

1º de agosto de 1944 a 5 de outubro de 1944
O Exército Interno da resistência polonesa não-comunista subleva-se contra os alemães em uma tentativa de libertar Varsóvia antes da chegada das tropas soviéticas. O avanço soviético é contido na margem leste do rio Vístula. Em 5 de outubro, os alemães aceitam a rendição dos remanescentes das forças do Exército Interno que lutavam em Varsóvia.

15 de agosto de 1944
As forças Aliadas desembarcam no sul da França, perto de Nice, e avançam rapidamente na direção nordeste, rumo ao rio Reno.

20 a 25 de agosto de 1944
As tropas Aliadas chegam a Paris e, no dia 25 de agosto, as Forças Francesas Livres, com o apoio dos Aliados, entram na capital francesa. Em setembro, os Aliados chegam até a fronteira alemã; em dezembro, quase toda a França, a maior parte da Bélgica, e a parte sul dos Países Baixos são libertadas.

23 de agosto de 1944
O surgimento de tropas soviéticas no rio Prut induz a oposição romena a causar a queda do regime de Antonescu. O novo governo faz um armistício e, imediatamente, troca de lado na Guerra. A mudança de posição da Romênia obriga a Bulgária a se render em 8 de setembro, e força os alemães a se retirarem da Grécia, Albânia, e sul da Iugoslávia em outubro.

29 de agosto de 1944 a 27 de outubro de 1944
Sob a liderança do Conselho Nacional da Eslováquia, formado por comunistas e não-comunistas, as unidades da resistência eslovaca levantam-se contra os alemães e o regime eslovaco fascista nativo. Em 27 de outubro, os alemães capturam Banská Bystrica, o centro de operações da revolta, e acabam com a resistência organizada.

12 de setembro de 1944
A Finlândia conclui um armistício com a União Soviética, abandonando a parceria no Eixo.

20 de outubro de 1944
As tropas norte-americanas desembarcam nas Filipinas.

15 de outubro de 1944
Membros do movimento fascista húngaro Cruz da Flecha dá um golpe de estado, com apoio dos alemães, para impedir que o governo húngaro continue as negociações para render-se aos soviéticos.

16 de dezembro de 1944
Os alemães iniciam a ofensiva final no oeste, conhecida como a Batalha do Bulge, em uma tentativa de reconquistar a Bélgica e dividir as forças Aliadas ao longo de toda a fronteira alemã. Em 1º de janeiro de 1945 os alemães batem em retirada.

12 de janeiro de 1945
Os soviéticos iniciam uma nova ofensiva em janeiro, libertando Varsóvia e a Cracóvia. Em 13 de fevereiro, após um cerco de dois meses, invadem a cidade de Budapeste, expulsando os alemães e seus colaboradores húngaros da Hungria no início de abril, e em seguida forçam a rendição da Eslováquia com a tomada de Bratislava no dia 4 de abril, e em 13 de abril capturam Viena.

7 de março de 1945
As tropas norte-americanas cruzam o rio Reno, na Ponte de Remagen, junto à cidadezinha do mesmo nome.

16 de abril de 1945
Os soviéticos iniciam sua ofensiva final e cercam Berlim.

bril de 1945
Comandados pelo líder comunista iugoslavo Josip Tito, unidades de partisans, guerreiros da resistência contra os alemães, dominam Zagreb e derrubam o regime Ustasa. Os principais líderes daUstasa fogem para a Áustria e a Itália.

30 de abril de 1945
Hitler comete suicídio.

7 de maio de 1945
A Alemanha se rende aos Aliados ocidentais.

9 de maio de 1945
A Alemanha se rende aos soviéticos.

Maio de 1945
As tropas Aliadas conquistam Okinawa, ilha japonesa.

6 de agosto de 1945
Os Estados Unidos lançam uma bomba atômica sobre a cidade de Hiroshima, no Japão.

8 de agosto de 1945
A União Soviética declara guerra contra o Japão e invade a Manchúria, província chinesa tomada pelo Japão em 1931.

9 de agosto de 1945
Os Estados Unidos lançam uma bomba atômica sobre a cidade de Nagasaki, no Japão.

2 de setembro de 1945
Depois de concordar, em princípio, com uma rendição incondicional no dia 14 de agosto de 1945, em 2 de setembro o Japão se rende oficialmente, pondo fim à Segunda Guerra Mundial.