Detalhes
Fotografia

Gitta Rosenzweig, escondida em um orfanato

Em 1942, durante uma batida policial buscando judeus para deportá-los para os campos do leste da Polônia, a menina Gitta Rosenzweig -- na época com cerca de três ou quatro anos de idade --foi escondida, e posteriormente enviada para um orfanato católico. Em 1946, Ida Rosenshtein, uma amiga da família, judia, que havia sobrevivido à Guerra, soube sobre o paradeiro de Gitta e foi buscá-la. O orfanato negou que a criança fosse judia, e só a entregou à responsável após Gitta a haver reconhecido, e a chefia da instituição haver recebido uma "taxa de libertação" paga pela comunidade judaica. A foto mostra Gitta no dia em que ela deixou o orfanato.


  • US Holocaust Memorial Museum
  • Gift of Gitta Rosenzweig
Ver detalhes arquivísticos

Está página também está disponível em

During a roundup for deportation in eastern Poland in 1942, Gitta Rosenzweig—then three or four years old—was sent into hiding. [LCID: 15303]

Thank you for supporting our work

We would like to thank Crown Family Philanthropies and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.