Testemunho

Sandor (Shony) Alex Braun descreve como tocou violino para oficiais das SS, em Dachau, logo após a execução de dois prisioneiros

Shony nasceu no seio de uma família de judeus religiosos, em uma pequena cidade da Transilvânia. Ele começou aprender a tocar violino aos cinco anos de idade. Sua cidade foi ocupada pela Hungria em 1940 e pela Alemanha em 1944. Em maio de 1944, ele foi deportado para o campo de concentração de Auschwitz, na Polônia. De lá, foi transferido para o sistema de campos de concentração de Natzweiler na França e, em seguida, para Dachau, onde foi libertado pelas tropas dos EUA em abril de 1945. Em 1950, ele emigrou para os Estados Unidos e se tornou um compositor e violinista profissional.

Transcrição

  • US Holocaust Memorial Museum Collection
Ver detalhes arquivísticos

Está página também está disponível em

Thank you for supporting our work

We would like to thank Crown Family Philanthropies and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.