Ezra Zelig Szabasson

Ezra Zelig Szabasson

Data de Nascimento: 1881

Kozienice, Polônia

Ezra Zelig, chamado pela família e amigos de Zelig, trabalhava no ramo de madeireiras em Kozienice, um vilarejo à beira da floresta de vidoeiros (bétulas) daquela região. Ele era casado e pai de seis filhos. Membro de destaque da comunidade, Zelig participava do conselho municipal de Kozienice e também era presidente da organização sionista local.

1933-39: Em 1937, Zelig tentou obter vistos para sua família emigrar para a área do então Protetorado Britânico conhecida como Palestina [para o Yishuv, i.e. a grande comunidade judaica que lá vivia antes do estabelecimento do Estado de Israel], mas não obteve êxito devido às pesadas restrições impostas pelos britânicos à imigração judaica para aquele local. Dois anos depois, em 1939, a Alemanha invadiu a Polônia. A área de Kozienice onde se concentrava a maior parte dos judeus foi cercada e isolada do resto da cidade pelos alemães, tornando-se um gueto.

1940-41: No início de 1940, os amigos poloneses de Zelig vieram avisá-lo do grande perigo que corria de ser levado como refém devido à sua importância na comunidade. Juntamente com um filho, uma filha, a nora e o genro, Zelig conseguiu escapar através da fronteira para a area da Polônia então sob controle soviético. Eles se estabeleceram em uma área próxima à cidade de Lvov, onde Zelig trabalhou como consultor madeireiro para o governo soviético. Em 1941, os alemães invadiram Lvov e enviaram esquadrões móveis de extermínio [Einsatzgruppen] para aquela região para auxiliarem no rápido extermínio da população judaica local.

A partir de 1941 não mais existem informações sobre Zelig e sua família.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.