Filme

Julgamento dos membros da resistência francesa pelo tribunal militar alemão

A França assinou um armistício com a Alemanha em 22 de junho de 1940, reconhecendo o direito das autoridades alemãs no supervisionamento da administração [governo] francesa. Em seguida, as autoridades militares alemãs também passaram a controlar assuntos de segurança interna. Nestas imagens, o tribunal militar alemão em Paris julga cidadãos franceses acusados de resisitir contra a ocupação militar. Apesar de sua violenta justiça militar, os alemães não conseguiram reprimir totalmente a oposição francesa, e as atividades de resistência dos partisans chegaram ao seu auge durante a invasão da França pelos Aliados, em junho de 1944.

Transcrição

Julgamento de membros do movimento de resistência francês [partisans] pelo tribunal militar alemão. Paris, abril de 1942. Vinte e três dos acusados foram executados nos dias 17 e 18 de abril. [Cenas do tribunal]: Andre Kirschen, filho de judeus romenos, tinha apenas 15 anos quando ocorreu o julgamento, e de acordo com as leis militares alemãs não pôde ser sentenciado à morte. Simone Schloss, que era judia, foi decapitada na cidade de Cologne, no dia 2 de julho de 1942.


Tags


  • Chronos Film
Ver detalhes arquivísticos

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.