Lidia Lebowitz

Lidia Lebowitz

Data de Nascimento: 1934

Sarospatak, Hungria

Lídia era a caçula das duas filhas de um casal judeu que vivia em Sarospatak, uma cidade pequena no nordeste da Hungria. Os pais de Lídia possuíam uma loja de tecidos e miudezas bem sucedida. Naquele tempo, roupas prontas ainda eram raras no interior e na zona rural, e a população urbana e os fazendeiros locais compravam os tecidos para confeccionar suas roupas na loja dos Lebowitz.

1933-39: Lídia tinha 2 anos quando a sua tia Sadie, que havia emigrado para os Estados Unidos muitos anos antes, veio fazer uma visita com seus dois filhos, Artur e Lilian. Todos os primos se divertiram muito brincando juntos na fazenda de seus avós. Vindo da América, o navio em que viajava a tia de Lídia aportou em Hamburgo, na Alemanha, e tia Sadie viu os nazistas marchando nas ruas, preocupando-a com o que poderia acontecer à sua família em Sarospatak.

1940-44: Em 1944 as forças alemãs ocuparam a Hungria. Um mês depois da invasão, a guarda armada húngara, agindo sob ordens nazistas, despejou Lídia e seus pais da casa em que viviam e da qual eram proprietários. Os Lebowitz passaram três dias comprimidos entre centenas de outros cidadãos judeus em uma sinagoga. Em seguida, todos foram levados para Satoraljaujhely, uma cidade vizinha onde cerca de 15.000 judeus estavam vivendo confinados em um gueto construído no bairro cigano da cidade. Dentro do gueto era enorme a dificuldade para se obter comida suficiente.

O gueto onde Lídia vivia foi destruído entre maio e junho de 1944. Todos os judeus que lá estavam foram deportados em vagões de carga, confinados como gado, para Auschwitz. Nunca mais se teve notícia de Lídia ou de sua família.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.