Renee Schwalb

Renee Schwalb

Data de Nascimento: April 1, 1937

Viena, Áustria

Viena, o lar de cerca de 175.000 judeus antes da Segunda Guerra Mundial, foi um dos principais centros intelectuais do judaísmo europeu. Viena era também o coração intelectual do movimento de reassentamento da área do Mandato Britânico conhecido como Palestina [OBS: nome dado pelos romanos ao local onde existiu o Reino de Israel]. A maioria dos judeus da cidade vivia em dois grandes bairros no setor leste do Canal do Danúbio. O pai de Renee era dono de uma próspera loja de confecções masculinas na cidade.

1933-39: As forças alemãs ocuparam a Áustria [Anschluss] em março de 1938. Medidas anti-semitas foram imediatamente impostas. Meu pai foi proibido de fazer negócios e sua loja foi confiscada. Ele foi para os EUA no início de 1939, com a intenção de que eu e minha mãe nos juntássemos a ele. Porém, naquele meio tempo, a situação dos judeus na Áustria piorou, e ambas fomos obrigadas a fugir para a Bélgica para escapar da deportação para os campos e concentração. Eu tinha dois anos de idade.

1940-44: Minha mãe me entregou a um homem da "resistência" [partisan]. Ela fez isso por eu seu ser judia [e ela queria que eu sobrevivesse], explicou o homem. Fui levada para um convento de freiras, asquais mudaram meu nome para Suzanne LeDent. Na escola do convento, eu raramente brincava com outras crianças para evitar muitas perguntas. Aprendi a rezar com um cordão de contas chamado rosário e ganhei medalhas por memorizar preces católicas. Em 1943, quando os alemães descobriram que as freiras estavam escondendo judeus, elas me enviaram primeiramente para a casa uma família conhecida e depois a uma escola protestante reformada próxima a Bruxelas.

No fim da Guerra Renee conseguiu reencontrar sua mãe. Cincos anos depois, elas emigraram para os Estados Unidos.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.