Testemunho

Johanna Gerechter Neumann descreve como sua família obteve vistos para emigrar para a Albânia

No período entre a intensificação das medidas contra os judeus e o massacre de Kristallnacht ("Noite dos cristais"), em 1938, a família de Johanna decidiu deixar a Alemanha. Eles conseguiram vistos para a Albânia, atravessaram pela Itália e viajaram de barco em 1939. Eles permaneceram na Albânia sob ocupação italiana e, depois que a Itália se rendeu em 1943, sob ocupação alemã. A família foi libertada após uma batalha entre os alemães e guerrilheiros albaneses em dezembro de 1944.

Transcrição

[Meus pais] Procuraram asilo onde quer que fosse, mas as possibilidades eram muito, muito restritas. Eles pensaram na Inglaterra, mas a Inglaterra exigia que se depositasse uma grande quantia de dinheiro como fiança para cada um que lá entrasse. Não sei exatamente qual era o valor, mas não acredito que meus pais tivessem os recursos necessários, e aparentemente, tampouco os tinham a família Meyer [amigos dos pais]. Então, tivemos que encontrar outras alternativas. Meu pai, acho que ele tinha – não, não acho, eu tenho certeza – ele tinha primos na Argentina, mas era muito difícil ir para aquele país. Era preciso provar que, de alguma forma, você estava ligado profissionalmente à agricultura, e é claro que ele não tinha como provar. Ele era um homem de negócios, não tinha como negar. Então, aquela opção foi abandonada. Então, de alguma forma, e não estou cem por cento certa de como a possibilidade da Albânia apareceu, mas o que sempre ouvi era que, durante um jogo de bridge, minha mãe conheceu um diplomata albanês que servia na Alemanha e, durante a conversa que tiveram, ele comentou que iria se casar em breve e que gostaria de passar sua lua-de-mel na Suíça. Então, meus pais e a família Meyer lhe emprestaram dinheiro. Ele nos deu em troca, talvez não em troca – não quero que pareça que aquilo tenha sido um suborno. Eu acredito que ele podia mesmo, honestamente, oferecer vistos oficiais para a Albânia.


  • US Holocaust Memorial Museum Collection
Ver detalhes arquivísticos

Dividir

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.