Filme

Cerimônia Memorial pedindo o resgate dos judeus europeus

Após os norte-americanos tomarem conhecimento dos assassinatos em massa de judeus pelos alemães, iniciou-se uma onda de pressões sobre o governo [do presidente] Roosevelt para ajudar os judeus europeus. Como parte daquelas ações, o dramaturgo Ben Hecht preparou um memorial em homenagem às vítimas da perseguição nazista entitulado "Nós Nunca Morreremos". A cerimônia, patrocinada pelo Grupo Sionista Revisionista Bergson, ocorreu durante uma grande manifestação de protesto realizada no Madison Square Garden, em Nova York. Posteriormente realizada também em outras cidades, a cerimônia era parte dos esforços do Grupo Bergson para pressionar o governo dos EUA a agir de maneira decisiva para resgatar os judeus europeus que ainda estavam vivos.

Transcrição

A cerimônia "Nós Nunca Morreremos" é um protesto dos judeus de Nova York contra os massacres nazistas. Em Lublin, cerca de 500 de nossas mulheres e crianças foram levadas ao mercado e colocadas em frente à banca de vegetais, que todos nós conhecíamos muito bem. Então, os alemães viraram as armas em nossa direção e nos mataram a todos. Lembrem-se de nós. [Narrador]: E um apelo dramático é feito neste momento em que Paul Muni relata os crimes nazistas contra pessoas indefesas. [Muni]: Existem quatro milhões de judeus sobrevivendo na Europa [neste momento]. Os alemães prometeram entregar ao mundo, até o final do ano, um presente de Natal composto por quatro milhões de judeus mortos. Isto não é um problema [apenas] dos judeus. Isto é um problema da humanidade, é um desafio à alma humana. [Narrador]: Lamentemos por dois milhões de seres humanos. [música]


Tags


  • University of South Carolina Newsfilm Archive
Ver detalhes arquivísticos

Dividir

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.