Barbara Ledermann

Barbara Ledermann

Data de Nascimento: September 4, 1925

Berlim, Alemanha

Barbara era a mais velha das duas filhas de um casal judeu que vivia na capital da Alemanha, Berlim. O pai de Barbara era um advogado bem-sucedido. Assim que ela aprendeu a andar, seu pai começou a levá-la para passear em Berlim, para ver a cidade e visitar os museus de arte. Barbara gostava de cavalgar e sonhava em ser dançarina.

1933-39: Depois que os nazistas subiram ao poder, em janeiro de 1933, tornou-se ilegal para o meu pai ter clientes que não fossem judeus. Sua carreira de advogado logo chegou ao fim. Mais tarde, ainda em 1933, quando eu ainda tinha 7 anos, nossa família se mudou para a Holanda, onde minha mãe tinha familiares. Continuei meus estudos em Amsterdã e rapidamente aprendi holandês. Embora não vivêssemos mais em uma casa grande com empregados, eu gostava de Amsterdã pois ela tinha uma atmosfera muito menos formal do que o de Berlim.

1940-44: Os alemães invadiram a Holanda em maio de 1940. Dois anos depois, quando começaram a deportar muitos judeus, meu namorado, Manfred, me disse que essas deportações para "campos de trabalho" significavam na verdade a morte. Ele conseguiu identificações falsas para mim e para minha famíli, e me disse: "se você for chamada, não vá". Perguntei: "O que vai acontecer com meus pais se eu não for?" "Nada que não fosse acontecer de qualquer maneira", foi sua resposta. "O que você quer dizer?", perguntei. E ele respondeu: "Todos os que forem serão mortos. Todos vão morrer."

Barbara ficou escondida até maio de 1945, quando Amsterdã foi libertada pelas tropas canadenses. Ela emigrou para os Estados Unidos em novembro de 1947.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.