Ernest G. Heppner

Ernest G. Heppner

Data de Nascimento: August 4, 1921

Breslau, Alemanha

Ernest era um dos três filhos de uma família judia na cidade comercial de Breslau, ondia vivia uma das maiores comunidades judaicas da Alemanha. Seu pai, veterano da Primeira Guerra Mundial, era dono de uma fábrica de matzá, o pão sem levedura usado durante o feriado da Páscoa judaica. Ernest tinha 12 anos quando Hitler subiu ao poder, em 1933.

1933-39: Muitas vezes me meti em brigas na escola porque as pessoas me provocavam com ofensas por eu ser judeu, as mais comuns era ser chamado de "Anti-Cristo" ou ouvir "o teu pai mata criancinhas cristãs na Páscoa". Muitos pensavam que o nazismo fosse uma moda política passageira, mas em 1935 as leis nazistas tornaram-se ameaçadoras, e logo apareceram placas escritas "Proibido Judeus" em vários locais. Em 1938, depois que nossa sinagoga foi incendiada (durante a Noite dos Cristais), entendemos que precisávamos escapar da Alemanha. Minha família só teve como obter duas passagens, e minha mãe e eu fomos embarcados em um navio para a Ásia, deixando o restante da família.

1940-44: Cheguei a Xangai, cidade chinesa mas controlada por japoneses, único local da Ásia onde os refugiados podiam aportar sem vistos de entrada. Lá, como motorista da Força Voluntária do Exército Britânico em Xangai, eu ganhava comida e estava em melhores condições que muitos outros refugiados. Depois de Pearl Harbor, em dezembro de 1941, as condições entre os refugiados pioraram, pois o fundo norte-americano de auxílio às vítimas, a linha de salvação que nos mantinha vivos, não mais conseguia alcançar Xangai. Em 1943, pressionados pela Alemanha, os japoneses construíram um gueto.

Ernest passou dois anos no gueto de Xangai antes da cidade ser libertada em 1945. Depois da Guerra ele trabalhou por alguns anos para a Força Aérea Norte-Americana em Nanquim, na China, e mais tarde emigrou para os Estados Unidos.

.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.