Wladyslaw Piotrowski

Wladyslaw Piotrowski

Data de Nascimento: 1892

Plock, Polônia

Wladyslaw era filho de pais católicos que viviam na Polônia ocupada pela Rússia. Ele cresceu em Plock, um município localizado em uma área rural ao norte de Varsóvia. Em 1918, Wladyslaw casou-se com Marie, com quem teve quatro filhos.

1933-39: Wladyslaw trabalhou como escriturário e depois como contador de uma cooperativa de fazendeiros locais. Em 1931, ele foi enviado para a cidade de Wyszogrod para fechar uma divisão falida da cooperativa. No ano seguinte, ele organizou, juntamente com os trabalhadores agrícolas e donos de terra locais, uma nova e bem-sucedida cooperativa naquela mesma cidade, . Depois que a Alemanha invadiu a Polônia, em 1939, a instituição passou a ser controlada pelos alemães, os quais ordenaram a Wladyslaw e sos demais funcionários que continuassem a trabalhar lá.

1940-42: No dia 6 de abril de 1940, em Wyszogrod, Wladyslaw e seu filho mais velho, Janusz, foram presos em casa pela polícia alemã. Eles foram levados para um grande salão, sem mobiliário, onde vários homens haviam sido colocados de frente para a parede, e continuavam a chegar outros homens naquele salão, um de cada vez. Depois de várias horas, mandaram Wladyslaw voltar para casa, mas seu filho ficou entre as 129 pessoas que ficaram presas e foram deportadas para campos de concentração. Depois daquele evento, Wladyslaw, que havia retornado para a cooperativa, juntou-se à resistência [partisans] polonesa. Em maio de 1942, ele foi preso e bárbaramente torturado pelos nazistas durante quatro meses, 120 dias.

Em 18 de setembro de 1942, Wladyslaw e outros doze prisioneiros foram enforcados públicamente pelos alemães no antigo bairro judeu da cidade dePlock.

Thank you for supporting our work

We would like to thank The Crown and Goodman Family and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.