Testemunho

Hessy Levinsons Taft descreve as tentativas de seu pai para obter vistos para a família emigrar de Nice, no sul da França

Com o aumento do anti-semitismo no período que antecedeu a Guerra, a família de Hessy fugiu da Alemanha para Paris, mas foi em vão pois a França foi dominada pelo exército alemão em junho de 1940. A família de Hessy foi levada clandestinamente para a "zone libre" (zona livre) no sul da França. Em 1941 a família recebeu vistos para que seus membros emigrassem para os Estados Unidos, mas não conseguiram sair antes que o prazo de validade expirasse, e nem conseguiram obter uma extensão do prazo. Em 1942, a família Taft obteve vistos para Cuba, onde se estabeleceu antes de emigrar para os Estados Unidos em 1949.

Transcrição

  • US Holocaust Memorial Museum Collection
Ver detalhes arquivísticos

Thank you for supporting our work

We would like to thank Crown Family Philanthropies and the Abe and Ida Cooper Foundation for supporting the ongoing work to create content and resources for the Holocaust Encyclopedia. View the list of all donors.