David J. Selznik

David J. Selznik

Data de Nascimento: 1912

Anyksciai, Lituânia

David cresceu em um povoado da Lituânia localizado perto da fronteira com a Letônia. Seu pai era vendedor. Aos seis anos, David foi mandado para estudar os textos tradicionais do judaísmo na academia rabínica de Ukmerge, cidade conhecida pelos judeus pelo seu nome russo, Vilkomir. Seis anos mais tarde, devido à morte de seu pai, David foi chamado de volta para casa para cuidar da família Selznik. 1933-39: Perdi o meu emprego em 1933, então deixei a Lituânia, fui para os Estados Unidos e, em seguida, para Portugal. Mas, como em 1936 os países bálticos encontravam-se muito vulneráveis frente aos regimes de Stalin e a Hitler, decidi voltar para casa para ajudar minha mãe e minhas irmãs, as quais haviam mudado para a cidade de Kovno. A ameaça da guerra nos envolvia, mas os judeus não podiam ir embora. Por meio de alguns contatos comerciais encontrei emprego em um ponto de vendas a varejo para materiais para escritório. 1940-44: No verão de 1941 os alemães ocuparam Kovno e nós fomos forçados a ir para um gueto. As condições se agravaram ainda mais em 1943, e em março de 1944 o número de assassinatos de judeus dentro do gueto cresceu muito. Vi alguns ucranianos e lituanos ajudarem aos nazistas, vi com meus póprios olhos quando eles levaram as crianças até o último andar de um edifício e as jogavam pela janela para um guarda que ficava na rua. Ele, então, pegava as crianças e batia com suas cabeças contra a parede até que morressem, todas foram mortas. Em 1944, David conseguiu escapar em um veículo que saia do gueto e, durante tres semanas, escondeu-se em uma floresta nas proximidades, até a área ser liberada. Ele emigrou para os Estados Unidos em 1949.