Fritz Alexander Rosenberg

Fritz Alexander Rosenberg

Data de Nascimento: February 18, 1881

Goettingen, Alemanha

Fritz era um dos três filhos de uma família judia na cidade universitária de Goettingen, Alemanha, onde os Rosenberg haviam vivido desde o século 17. Seu pai era dono de uma fábrica de confecção de tecidos de linho, e Fritz trabalhava como vendedor na mesma. Posteriormente herdou, juntamente com seus irmãos, os negócios do pai. Em 1913 Fritz casou-se com Else Herz, e no início da década de 20 tiveram dois filhos e uma filha.

1933-39: Em 1933 os nazistas subiram ao poder na Alemanha, e um ano depois a fábrica dos Rosenberg foi desapropriada. Um dia, três soldados foram à casa da família, e um oficial colocou sua arma em cima da mesa dizendo que se a família não saísse de lá em uma semana, eles e seus pertences seriam jogados pela janela. Em menos de um mês a família mudou-se para Hamburgo onde, apoiada pelo tio de Fritz, permaneceu em até a guerra eclodir, no outono de 1939.

1940-43: Em novembro de 1941, Fritz e sua família foram deportados para o gueto de Minsk, na URSS, juntamente com outros 1.000 judeus de Hamburgo. Assim que desembarcaram foram cercados pelos guardas das SS e levados até um prédio de tijolos vermelhos, e naquele trajeto viram cadáveres espalhados pelo chão. Antes que fossem colocados dentro do alojamento foram obrigados a remover os corpos caídos no chão e lavar as paredes cobertas de sangue. Os pratos de comida sobre a mesa ainda continham comida. Os demais prisioneiros disseram a eles que milhares de judeus soviéticos haviam sido assassinados para dar espaço para os recém chegados.

O gueto de Minsk foi destruído em outubro de 1943, e nunca mais se teve notícias de Fritz. Seu filho Heinz foi deportado em setembro e foi o único daquela família a sobreviver à Guerra.